No Brasil ocorreram ao longo de 2019 inúmeras comemorações aos 100 anos da Pedagogia waldorf, escolas de todo país organizaram eventos, festas, ações sociais e palestras em comemoração a esta data. Foi um belo e significativo movimento!!

Porém a maior comemoração foi o Congresso comemorativo aos 100 anos ocorrido entre os dias 19 e 23 de junho de 2019 aconteceu na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - ESALQ - USP, em Piracicaba- São Paulo e, também esteve presente ao no calendário internacional "Waldorf 100 – Learn to change the world; act locally, affect globally".

O congresso foi uma iniciativa da Seção Pedagógica da Sociedade Antroposófica do Brasil, por meio da ação do Grupo de Jovens professores da Escola Waldorf Novalis com apoio da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz – ESALQ, e da Federação das Escolas Waldorf no Brasil (FEWB). Com mais de 400 professores Waldorf de vários estados brasileiros e das mais variadas instituições, além de alunos da graduação da ESALQ.

A ideia desse evento nasceu de encontros entre jovens professores que começaram a ser realizados em 2012 para estudar a trilogia dos livros "Arte de Educar", de Rudolf Steiner, e trocar experiências de ensino e aprendizado. Esses jovens contataram os professores experientes para ouvir deles o que compreendem como essencial na Pedagogia Waldorf. Foram encontros ricos, de aprofundamento e reflexão, que impulsionaram o grupo a organizar a celebração deste centenário no Brasil.

A programação do congresso incluiu palestras, mesas redondas, oficinas de vivências pedagógicas e o estudo e prática pedagógica, oferecidas por professores de escolas Waldorf do Brasil e professores da ESALQ, além de convidados especiais de instituições internacionais, como Nana Göebel e Henning Kullak-Üblick, coordenadores da campanha da ação mundial da celebração do centenário. Além disso, haverá momentos festivos, com apresentações artísticas de alunos e professores, tais como música, euritmia e teatro.

A realização deste evento no mais consolidado e importante campus de agricultura da América Latina é uma excelente oportunidade de integrar Educação, Ciência e Arte em prol do desenvolvimento humano, promovendo um intercâmbio de conhecimento entre professores, cientistas naturais, estudantes e sociedade. Isso se expressará em duas palestras principais, dedicadas ao tema "Abelhas e Árvores", na perspectiva acadêmica e antroposófica, além de atividades práticas coordenadas por professores e alunos da ESALQ.

O tema escolhido para o congresso visou salientar a importância do papel das abelhas na natureza e da conservação da biodiversidade além de dialogar com a compreensão da ideia de colmeia como uma comunidade e, com isso estimular a reflexão e ações voltadas a preservação destes seres. Uma das metas mundiais das escolas Waldorf neste ano é promover o debate, ações objetivas e reflexões sobre a preservação destas espécies naturezas e de sua função ecológica no sistêmica na natureza. Alunos de todas as idades estão sendo estimulados a participar ativamente deste processo, desde a montagem de ninhos e apiários, a colheita do mel até as complexas tarefas de pesquisa além do plantio de espécies arbóreas melíferas e a estruturação de corredores ecológicos que favoreçam a ação destas espécies na natureza interligando áreas de bosques.

O coroamento do Congresso ocorreu com uma cerimônia aberta ao final do evento, quando foram instalados cerca de 300 ninhos de abelhas solitárias, preparados pelos alunos da Escola Waldorf Novalis de Piracicaba e com a inauguração de uma área de reflorestamento dentro do campus da ESALQ, batizada com o nome "Floresta Waldorf 100". Além disso, foram distribuídos cerca de 100 ninhos de abelhas para as escolas presentes como um incentivo para que montem apiários em suas escolas.

Cartilha Projeto Abelhas Apiscor

No ano do centenário, um trabalho de conscientização e estímulo ao melhor convívio com as abelhas foi elaborado pela Apiscor um projeto que necessitará do trabalho em conjunto de apoio das escolas ao redor do Brasil.
Suas ações foram divididas em 3 etapas:
• Educação com as abelhas - foi criada uma Cartilha com noções básicas sobre abelhas na escola, em casa e informações gerais;
•  Conhecimento no manejo - um curto video feito, onde a Escola Waldorf Ecoara, o AMESAMPA ( associação de meliponicultores de São Paulo) incentivam e mostram como é fácil ter abelhas na escola . Um breve relato sobre este trabalho também é dedicado na Cartilha;
• Ampliação e compartilhamento de conhecimento – Estamos entrando nesta terceira etapa e para isso teremos que unir forças e mostrar o belo trabalho feito por muitas escolas brasileiras!

Essa última etapa, será desenvolvida ao longo de 2020 onde haverá A CRIAÇÃO DE UM CONTEÚDO EDUCATIVO IMPRESSO voltado ao tema das abelhas a SER USADO PARA A FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM SEMINÁRIOS NO BRASIL.
Para isso convidamos sua escola a fazer parte desta iniciativa e enviar-nos o trabalho de sua escola sobre abelhas para a Apiscor (soraya@apiscor.com.br ou por whatsapp para (11) 985691100) a fim de reunirmos informações voltadas a este tema. Relatos do Brasil inteiro sobre as abelhas, experiências pedagógicas, convívios com diferentes climas, culturas locais, tudo isso reunido em um só documento possibilitando a troca de experiências e o estímulo a novas ações no tema.

Projeto Ninhos e Floresta

Escola Waldorf Novalis

Congresso De Celebração dos 100 Anos da Pedagogia Waldorf

Piracicaba - SP

Projeto Abelhas e Árvores

Abelhas Sem Ferrão

Jerônimo Villas Bôas

VÍDEOS: